Blog

 

Dicas praticas para melhorar seu inglês

Posted by on 21:24 in Blog, Destaque | 0 comments

Dicas praticas para melhorar seu inglês

Se você está aprendendo inglês ou estuda já há algum tempo e sente dificuldade, confira essas dicas praticas que podem ajudar você no dia-a-dia. É claro que só os toques não adiantam. Você vai ter que ser perseverante, estudar, ler, escrever, ouvir e falar muito para conseguir a sonhada fluência!

  • Não precisa ser perfeito

Muita gente pensa que para ser fluente você precisa falar todas as palavras perfeitamente e com sotaque britânico ou americano. Nós temos nossa maneira de falar português e acabamos trazendo isso para outras línguas. Com o tempo e treino é possível reduzir o sotaque. Mas se preocupar com isso é bobagem, sinta-se a vontade para falar como você sabe!

  • Na pratica é diferente

Na maior parte das situações do dia-a-dia, a maneira que se fala é diferente da gramática apresentada nos livros. Preste atenção na maneira que as pessoas falam em atividades cotidianas. Por exemplo: aprendemos que o correto é colocar o verbo auxiliar na frente da pergunta. Porém muitas vezes, as pessoas usam apenas a entonação, sem o uso do auxiliar “do” ou “does”. Esses detalhes você só aprende na prática, convivendo com pessoas que falam inglês fluente ou assistindo a vídeos.

Top-18-08-17-01

 

  • Mantenha contato frequente com o idioma

Como na dia anterior, você só vai aprender mesmo se estiver muito tempo em contato com alguma coisa. O ideal é que você estude por volta de 3 ou 4 horas semanais. Isso é pouco, porém se você estiver em contato com músicas, filmes, séries em inglês, certamente você vai estar ampliando o seu aprendizado.

  • Livre-se dos dublados e legendas em português

Comece assistindo com o audio original em inglês e legenda em português. Quando você se acostumar, mude a legenda para inglês. Assim você se familiariza com o som das palavras primeiro e depois pode identificar a forma que as palavras são escritas. É importante contar com esses recursos que auxiliam a compreensão.

;)

Você sabe o que é inglês instrumental?

Posted by on 22:05 in Blog, Destaque | 0 comments

Você sabe o que é inglês instrumental?

Você já ouviu falar de “inglês instrumental”? Ou “inglês técnico”? Talvez você tenha ouvido o termo “inglês para fins específicos”. Os três são a mesma coisa: a área que se concentra em habilidades específicas no aprendizado do idioma, seja leitura, conversação, vocabulário ou escrita.

“Certo, mas para que isso serve?”
É simples: o inglês geral apresenta a maior parte do vocabulário e das estruturas para situações comuns e, até mesmo, situações de negócios. Porém, existem algumas áreas que pedem termos bem específicos – como inglês para a área a saúde, por exemplo. E é aí que você vê a importância do inglês instrumental.

“Quando as pessoas usam inglês instrumental?”
O trabalho é um local muito propício para este tipo de inglês. O ambiente acadêmico também. A forma como as pessoas se cumprimentam ou dão instruções no idioma não muda (isso é o que chamamos na primeira pergunta de “inglês geral”). Mas os termos mudam muito de área para área. Até em português, não é mesmo? Nesse sentido, é de se esperar que existam cursos de inglês para viagens ou inglês jurídico.

“Como eu aprendo inglês para fins específicos?”
Contato com a área em que essa parte do idioma é usado ajuda bastante. Quem lida com a terminologia todo dia acaba aprendendo. Também existem cursos específicos para praticamente todas as áreas. Aqui na Top Courses & Consulting, por exemplo, oferecemos aulas customizadas em inglês instrumental. Se você precisa aprender inglês para fins específicos para conseguir uma vaga numa universidade ou arrumar um emprego melhor, um curso é o melhor caminho!

Temos uma equipe de profissionais especializados para orientar você nesse momento tão importante, liga pra gente!

Dicas para memorizar vocabulário em inglês

Posted by on 16:56 in Blog, Destaque | 0 comments

Dicas para memorizar vocabulário em inglês

Um dos desafios quando você decide falar inglês é lembrar das palavras que você já aprendeu. Por isso selecionamos algumas dicas que podem te ajudar!

Busque imagens que te remetam à palavra que você acabou de aprender.

Bald, que significa “careca”, lembra uma bola, que se diz “Ball”. Voilà! Assim, é só fechar os olhos e se lembrar da referência que você mesmo criou.

Faça uma lista de palavras, principalmente quando começar a estudar. 

Escrever ajuda a memorizar o que você já aprendeu em uma leitura.

Escreva suas próprias definições para as palavras. 

Faça isso de um jeito simples e amigável, e mantenha um dicionário pessoal, organizado por ordem alfabética. Assim, quando for estudar e quiser fazer uma consulta, terá tudo organizado.

Faça tudo em inglês! 

É sério − isso vai facilitar tanto, mas tanto a sua vida, que você perceberá que a simplicidade é a solução perfeita. Listas de supermercado, de coisas a fazer ou até pequenas anotações. Migre para o idioma que está estudando e o resultado aparecerá rapidinho.

Leia e ouça mais em inglês.

Livros, jornais, revistas − devore tudo com um dicionário ao seu lado. Ao ouvir sua banda preferida, aproveite e cante junto com o vocalista, mantendo a tradução da letra ao seu lado − além de expulsar os demônios, você pratica a pronúncia.

Faça associações. 

Você pode fazer isso juntamente com as dicas 2 e 3. Pense em um assunto e procure listar o máximo de palavras relacionadas a ele. Pense em maneiras de combiná-las e imagine o contexto em que seriam usadas.

Use momentos aleatórios, como antes de dormir ou ao praticar um esporte, para a memorização. 

Novos vocabulários devem ser absorvidos de um jeito lúdico − bom para você, bom para o seu inglês!

=D

Christmas Traditional Recipes in English

Posted by on 19:23 in Blog | 0 comments

Christmas Traditional Recipes in English

Para quem gosta de apreciar uma boa comida, o Natal é a melhor época do ano! Além de preparar receitas deliciosas você pode aprender o vocabulário dessas atividades em inglês. Selecionamos para você algumas receitas e alguns sites bem legais.

Bring out your best traditional Christmas dinner menu when you host the big holiday meal.

 

Group of Christmas gingerbread man cookies on plate with candy

Gingerbread men

Ingredients

  • 350g/12oz plain flour, plus extra for rolling out
  • 1 tsp bicarbonate of soda
  • 2 tsp ground ginger
  • 1 tsp ground cinnamon
  • 125g/4½oz butter
  • 175g/6oz light soft brown sugar
  • 1 free-range egg
  • 4 tbsp golden syrup

To decorate

  • writing icing
  • cake decorations

Method

  • Sift together the flour, bicarbonate of soda, ginger and cinnamon and pour into the bowl of a food processor. Add the butter and blend until the mix looks like breadcrumbs. Stir in the sugar.
  • Lightly beat the egg and golden syrup together, add to the food processor and pulse until the mixture clumps together. Tip the dough out, knead briefly until smooth, wrap in clingfim and leave to chill in the fridge for 15 minutes.
  • Preheat the oven to 180C/350F/Gas 4. Line two baking trays with greaseproof paper.
  • Roll the dough out to a 0.5cm/¼in thickness on a lightly floured surface. Using cutters, cut out the gingerbread men shapes and place on the baking tray, leaving a gap between them.
  • Bake for 12-15 minutes, or until lightly golden-brown. Leave on the tray for 10 minutes and then move to a wire rack to finish cooling. When cooled decorate with the writing icing and cake decorations.

 

all recipes

 

ALL RECIPES

Cookies to decorate. Christmas dinner ideas. Party traditions like pudding and cake. See top recipes, videos and get tips from home cooks like you for making this Christmas special.

 

food network

FOOD NETWORK

This is a culinary channel where you find various recipes, videos and more. It’s worth visiting!
FOOD.COM
When it comes to the main course, Christmas calls for something special. These easy-yet-impressive dishes like juicy prime rib are sure to stand out on your holiday table.
my recipes
Bring out your best traditional Christmas dinner menu when you host the big holiday meal. From beef tenderloin to traditional ham, check out our favorite menus for Christmas dinner and use this collection to inspire your next holiday meal.

Holiday x Vacation: learn the difference

Posted by on 18:48 in Blog | 0 comments

Holiday x Vacation: learn the difference

Todo mundo adora ter uns dias de folga para poder fazer o que quiser! Mas você sabe as diferenças entre as palavras Holiday e Vacation? Confira:

Vacation

Essa é a palavra americana para “férias”. Em inglês britânico, ela não tem esse significado, é mais restrita: refere-se apenas ao período em que as universidades fecham. Se alguém dos EUA estiver de férias, dirá que está on vacation.

Holiday

Essa funciona nos dois países como “feriado”. Porém, em inglês britânico, ela também pode se referir a férias, na estrutura on holidays.

Por conta dessa diferença, quando falamos de the holiday season, no Reino Unido, nos referimos ao verão, que é quando as pessoas tiram férias (aliás, vale lembrar que, no hemisfério norte, as férias de summer acontecem em July – julho em inglês). Nos EUA, a mesma expressão fala das festas de fim de ano que, lá, começam com o Thanksgiving.

Diferente da holiday season americana, uma vez que nós não temos Thanksgiving, essa temporada por aqui começa com um holiday que é comemorado praticamente no mundo todo: Christmas (Natal), também conhecido como Xmas.

Nos EUA, na Inglaterra e em outros países onde se fala inglês, esse feriado é comemorado de forma um pouco diferente – você pode conferir as tradições de Natal deles aqui no blog mesmo.

Logo depois do Xmas, temos o New Year (Ano Novo) – dizem que é o feriado que é comemorado há mais tempo. Mas nem sempre no dia 01 de janeiro. E, fora daqui, nem todo mundo passa o New Year de branco

Em ordem cronológica, outros holidays amplamente celebrados são:

Mardi Gras
Seria o equivalente ao nosso carnaval. Acontece depois da lent (quaresma). Em Nova Orleans, nos EUA, as pessoas fazem festas nas ruas e usam fantasias. Na Inglaterra, o festival em algumas cidades é de panquecas.

St. Patrick’s Day
Aqui, ele não é feriado, mas o dia de São Patrício é momento de festa especialmente entre os irlandeses.

Easter
A Páscoa tem diversas tradições ligadas a eggs (ovos) e egg hunt (caça aos ovos) em boa parte do mundo também.

Labor day
A data do dia do trabalho varia dependendo do lugar, mas muitos países o comemoram.

Halloween
Nosso feriado é o dia de finados. Porém, onde se fala inglês, o foco mesmo é na antevéspera, dia de Halloween.

O feriado que você mais curte esta nessa lista? Se não estiver, você sabe o nome dele em inglês? Conte para a gente!

Fonte de Pesquisa: englishlive

 

 

World Tourism Day

Posted by on 12:37 in Blog, Destaque | 0 comments

World Tourism Day

Hoje é o dia mundial do Turismo. Quem gosta de viajar e conhecer o mundo saber que falar inglês é a língua universal. Por isso nós selecionamos algumas dicas bem legais para você conhecer mais sobre o turismo e ainda treinar seu inglês!

World Tourism Day

The World Tourism Organization

The World Tourism Organization (UNWTO) is the United Nations agency responsible for the promotion of responsible, sustainable and universally accessible tourism.

 

visit brazil

Welcome to Visit Brasil!

Here you will find all the information you need to plan an unforgettable trip to Brazil. We have provided a huge list of typical Brazilian attractions for you to visit, experience and, above all, live every detail of this new culture.

 

Tourism Malaysia

Tourism Malaysia

There is only one place where all the colours, flavours, sounds and sights of Asia come together – Malaysia. No other country has Asia’s three major races, Malay, Chinese, Indian, plus various other ethnic groups in large numbers. Nowhere is there such exciting diversity of cultures, festivals, traditions and customs, offering myriad experiences. No other county is “Truly Asia” as Malaysia.

 

Great Barrier Reef, Queensland

Tourism Australia

There’s nothing like Australia! Tourism Australia provides detailed information and images about Aboriginal tourism experiences in Australia, focusing on the Indigenous Tourism Champions.
Looking for destination information? Go to australia.com for information about things to do and places to go in Australia. You’ll also find lots of helpful tips, facts and tools to help you create your dream holiday.

enjoy jerusalem

Enjoy Jerusalem

“Enjoy Jerusalem” is an official website for Jerusalem city that serves international and local visitors and forms an online venue for tourism and cultural sectors in Jerusalem. It provides you information about the various touristic sites and attractions in the city, and includes several means of planning trips to Jerusalem as individuals or groups. The website also contains vast range of information about concerts, art exhibits and different kinds of events held in the city, in addition to attractions and places of interest.

Saiba como conquistar seus objetivos em 5 passos

Posted by on 16:54 in Blog, Destaque | 0 comments

Saiba como conquistar seus objetivos em 5 passos

Sonhar faz parte da vida e precisamos fazer isso em diversas áreas. Mas se não traçarmos planos e metas claras, alcançar esses sonhos pode parecer difícil ou até mesmo impossível. Veja a seguir alguns passos que podem te ajudar a alcançar a sua meta e falar inglês fluente!

1. DESCUBRA O QUE VOCÊ QUER E POR QUE

Não adianta ter um milhão de objetivos se você não sabe o que eles podem fazer por você. O segredo aqui não é pensar no que você quer “da” vida, mas sim no que você quer “na” vida. Pense além de posses materiais. Pense em tudo que você gostaria de ter e nos motivos pelos quais você gostaria de alcançar isso.

2. PRIORIZE

Depois de descobrir tudo que você espera alcançar, faça uma lista na qual você prioriza esses objetivos. Não existe um padrão que você deva seguir, simplesmente pense no que você quer no momento e o que pode esperar mais. Fazendo isso você consegue enxergar com mais clareza tudo o que tem a fazer e identificar também quais são os objetivos mais complicados de serem alcançados. Lembre-se de que alguns deles não podem ser alcançados sem ajuda.

3. IDENTIFIQUE OBSTÁCULOS

Agora que você já sabe o que quer conquistar primeiro e por que quer aquilo comece a identificar tudo que pode impedir você de chegar ao sucesso. Embora o exercício possa parecer ligeiramente pessimista, a verdade é que grande parte das falhas podem ser previstas com antecedência. Seja completamente honesto consigo mesmo. Isso vai ajudar a identificar os seus pontos fracos e mostrar o que você deve melhorar para chegar onde deseja.

4. FAÇA UM PLANO

Sem organização você não chegará a lugar algum. É preciso ter isso em mente. Basta colocar tudo no papel e criar um plano detalhado de como driblar as adversidades para chegar onde se deseja. Lembre-se de que é preciso começar de algum lugar e se você não se mexer, esse objetivo nunca se tornará uma realidade.

5. COMECE COM PEQUENOS PASSOS

Você não precisa – e provavelmente nem vai conseguir – alcançar o seu objetivo da noite para o dia. Tenha consciência de que esse tipo de coisa leva tempo, e não tente dar um passo maior do que as suas pernas. Divida esse plano em pequenas ações e comece realizando-as sem pressa. Se o seu objetivo é comprar um carro, por exemplo, o primeiro passo do seu plano pode ser aprender a dirigir. Depois você pode pensar em abrir uma poupança para arrecadar o dinheiro e até mesmo em escolher modelo e cor.

Como você pode ver, a regra básica aqui é não fazer muitas coisas ao mesmo tempo. O ideal é focar em um objetivo e trabalhar em cima do seu planejamento para alcança-lo. Se você tiver mais alguma dica, mande para nós!

Fonte de Pesquisa: Universia Brasil

Linkedin: oito passos para montar o perfil perfeito

Posted by on 8:00 in Blog | 0 comments

Linkedin: oito passos para montar o perfil perfeito

Há algum tempo o LinkedIn é a rede social profissional mais utilizada entre aqueles que procuram novas oportunidades de carreira, aumentar o network ou consumir informações relacionadas ao ambiente corporativo e suas áreas de atuação. Com isso, a rede passou a ser uma importante ferramenta de recrutamento e avaliação de candidatos, já que um perfil pode revelar mais informações sobre o profissional do que um currículo clássico de papel.

Justamente por isso, é preciso que a pessoa utilize o site com cuidado, levando em consideração alguns pontos que podem ajudá-la a aumentar ainda mais a sua visibilidade no LinkedIn e conseguir a atenção de recrutadores ou novos contatos profissionais importantes para sua carreira.

“Hoje, a gente já viu que a rede é muito mais do que um site para procurar emprego. Essa é a quinta razão pela qual uma pessoa está no LinkedIn. As pessoas usam mais para fazer contato profissional, para consumir conteúdo ou seguir influenciadores”, observa Fernanda Brunsizian, porta-voz do LinkedIn.

1 – Preencha todo o seu perfil

“Às vezes, a pessoa só coloca o nome ou ‘estudante de administração’. Isso e nada é a mesma coisa. É como se ela não estivesse no LinkedIn”, comenta a headhunter Eliane Figueiredo, da Projeto RH.

Quanto mais completo estiver o seu perfil, melhor será a relevância da sua página no momento em que alguém estiver fazendo uma busca pelo site. Utilize palavras chaves e termos conhecidos na sua área de atuação, para que quando um outro profissional faça uma pesquisa que se alinhe com suas características, você seja encontrado mais facilmente.

2 – Tenha uma foto

De acordo com Fernanda Brunsizian, um perfil com foto é 14 vezes mais visto do que um perfil sem foto. “Quando alguém faz uma busca e o seu perfil não tem foto, a pessoa geralmente nem entra. É uma questão de credibilidade, de poder personalizar aquela informação que você tem. Na hora em que você não vê a foto em uma rede social, as informações não ficam tão palpáveis”, diz ela.

No entanto, é preciso lembrar que, diferentemente do Facebook ou Google+, o LinkedIn é uma rede profissional. Por isso, evite colocar fotos despojadas demais, a não ser que a sua área de trabalho já seja mais informal.

3 – Faça novas conexões

As redes sociais são uma ótima ferramenta para melhorar o seu network. Faça uma busca no LinkedIn por pessoas que já trabalharam ou estudaram com você e comece a fazer novas conexões. Quanto mais pessoas você tiver conectadas ao seu perfil, melhor será a sua visibilidade. O site recomenda, porém, que o usuário não adicione pessoas totalmente desconhecidas. Como a sua lista de contatos pode ser acessada por outras pessoas, adicionar alguém desconhecido é correr o risco de ter em sua rede alguém que pode não ser um bom profissional.

Para Rodrigo Miwa, sócio da Hound Consultoria, voltada ao setor de recrutamento profissional, também é importante que a pessoa mantenha contato com suas conexões. “É interessante retornar todas as abordagens que receber. Se você não retornar, pode parecer desinteresse e você não estará fazendo uso da rede”, diz.

4 – Peça recomendações

Muito visto por recrutadores, o site permite que os seus contatos façam dois tipos de recomendações sobre você: em uma, as pessoas endossam as suas habilidades e competências; na outra, elas podem escrever um texto de recomendação mais completo. Nesta última, é importante que o usuário peça para que seus contatos façam observações relevantes e que ressaltem as suas qualidades, não o contrário. De qualquer maneira, ambos os tipos de recomendações só serão publicados depois da aprovação do usuário.

5 – Customize a sua URL

Ao criar uma conta no LinkedIn, você ganha um link próprio para a sua página. É possível customizar este link, permitindo que você substitua o código numérico por algo mais pessoal, como seu nome e sobrenome. Desta maneira, além de ser um link mais apresentável do que um monte de números quando for passar para alguém, também facilita que outras pessoas cheguem até o seu perfil pela busca.

6 – Faça parte de grupos e siga empresas e influenciadores

Para quem está no LinkedIn em busca de conhecimento, é possível fazer parte de grupos de discussão sobre a área em que atua ou assuntos de seu interesse. Nestes grupos, o usuário ou outros profissionais podem compartilhar artigos ou até mesmo o seu próprio trabalho. Outra possibilidade é a de seguir as informações postadas no perfil de empresas ou dos chamados “influenciadores” – profissionais que são referência na área em que atuam, como o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama.

7 – Veja as vagas que o LinkedIn indica

Se você entrou no LinkedIn procurando por uma nova oportunidade de trabalho, é interessante prestar atenção nas sugestões de vagas que o próprio site faz na sua página. De acordo com Fernanda, a rede conta com um mecanismo que cruza as informações das vagas de emprego publicadas pelas empresas com as informações dos usuários. Desta maneira, o LinkedIn sugere as oportunidades que tenham mais a ver com o seu perfil profissional. Além disso, o profissional pode fazer a própria busca por vagas abertas no sistema.

8 – Mantenha o perfil atualizado e ativo

Com várias ferramentas disponíveis e diversas finalidades de uso, o seu perfil no LinkedIn só será útil se você conseguir mantê-lo atualizado e usá-lo frequentemente. Da mesma maneira que você não mandaria um currículo com informações de dez anos atrás para uma empresa, manter a sua página desatualizada pode impedir que novas oportunidades cheguem até você, ou que bons contatos profissionais lhe abordem. Ainda que não tenha nenhuma informação nova para adicionar, tente acessar o seu perfil com uma certa frequência, para manter-se informado ou verificar se há alguma nova mensagem ou conexão esperando por aprovação.

 

 

Via IG.

Tradução simultânea – Palestra: ARCHEOLOGICAL SCIENCE – Dr. RICHARD MADGWICK

Posted by on 7:00 in Blog | 0 comments

Tradução simultânea – Palestra: ARCHEOLOGICAL SCIENCE – Dr. RICHARD MADGWICK

No fim do mês de Julho a Top Courses & Consulting foi responsável pela tradução simultânea e consecutiva do Seminário sobre culturas indígenas e patrimônios museologicos no Norte do Paraná.

Confira a seguir o tema das palestras:

ARCHEOLOGICAL SCIENCE – Ciência do passado humano: abordagens para a dieta, clima e movimento.

Palestrante Dr. RICHARD MADGWICK doutor em bioarqueologia da CARDIFF UNIVERSITY – UK

Tradução e Interpretação: Top Courses & Consulting

Tradução Simultânea: Jeanne Rebello

Tradução Consecutiva e Acompanhamento: Janete Gonzalez

 

05

04

03

02

ARCHEOLOGICAL SCIENCE - Dr. RICHARD MADGWICK

Tradução simultânea – Palestra: ARCHEOLOGICAL SCIENCE – Dr. RICHARD MADGWICK

Tradução simultânea – Palestra: ARCHEOLOGICAL SCIENCE – Dr. RICHARD MADGWICK

 

Startup: o que é e como abrir

Posted by on 8:00 in Blog | 0 comments

Startup: o que é e como abrir

A internet mudou e continua modificando os padrões e estilo de vida da sociedade, inclusive no universo corporativo, aonde o número de empresas digitais vem crescendo cada vez mais. Por isso, ouve-se falar tanto em startup.

Assim são classificados os empreendimentos “embrionários” que conseguem crescer exponencialmente sem afetar seu modelo de negócio, geralmente ligadas à tecnologia.

As startups têm chamado a atenção de pessoas apaixonadas por empreendedorismo e investidores, uma vez que a internet possibilita abrir uma nova empresa e concretizar uma ideia em apenas um clique, muitas vezes viabilizando resultados extraordinários em um curto espaço de tempo com gastos mínimos.

Hoje em dia ter um empreendimento se tornou um sonho acessível, porém um negócio digital continua sendo tão ariscado quanto um negócio tradicional, por isso é indispensável se preparar antes de encarar essa aventura.

Passos fundamentais para abrir uma startup

- Identifique as necessidades do mercado;

- Descubra onde seu público se encontra;

- Desenvolva o produto ou serviço que solucione os problemas identificados;

- Faça testes com o produto ou serviço, e colete os feedbacks de melhoria para ser o mais assertivo possível;

- Crie processos de execução que garantirá baixos custos e viabilizará a concretização da idéia;

- Prepare-se para atender uma demanda global, criando uma gestão estratégica, afinal, com a internet seu negócio pode interessar pessoas do mundo todo;

- Pense em como atrair a atenção de investidores para catalisar o crescimento da empresa;

- Construa um time de profissionais que sejam engajados com o propósito da empresa;

- Fomente a inovação, o maior combustível para uma startup se manter ativa;

- Invista em Networking, se conecte com pessoas que disseminem sua ideia e atraiam potenciais parceiros;

“Para ter sucesso, é necessário amar de verdade o que se faz. Caso contrário, levando em conta apenas o lado racional, você simplesmente desiste. É o que acontece com a maioria das pessoas.” Esta é a reflexão de um dos homens mais bem-sucedidos do mundo, Steve Jobs.

Via Terra.